sicnot

Perfil

Economia

Reembolso extra ao FMI exige emissão de mais dívida este ano

O IGCP admite que vai precisar de emitir mais divida de médio e longo prazo do que estava previsto para este ano. A SIC teve acesso ao documento onde a agência de crédito público define as necessidades de financiamento em 2016.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters (Arquivo)

O Estado vai precisar afinal de 12 mil milhões de euros, mais dinheiro do que estava inicialmente previsto.

Esta necessidade tem a ver sobretudo com um rembolso antecipado ao FMI de 2,6 mil milhões de euros, um rembolso extra que permitirá a Portugal poupar 50 milhões de euros em juros e que ficou prometido a Bruxelas na carta com medidas adicionais.

Durante este mês de fevereiro, o IGCP rembolsou 2 mil milhões de euros ao fundo, o que faz com que Portugal já tenho devolvido 36% do total do empréstimo do FMI.

  • "Toda a transparência" para os "amigos portugueses"
    0:54
  • Turistas à volta da lua em 2018
    1:21
  • Bastidores do sambódromo: um espétaculo à parte
    3:22
  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06