sicnot

Perfil

Economia

Barclays elogia o compromisso de esquerda relativo ao orçamento

O Barclays elogia o compromisso a que PS, BE e PCP chegaram e que levou à aprovação do Orçamento do Estado no parlamento. Acrescenta ainda que com o documento aprovado há menos riscos de uma descida de rating.

Segundo o Barclays, a economia só deve crescer 1,5%, e não os 1,8% antecipados pelo governo

Segundo o Barclays, a economia só deve crescer 1,5%, e não os 1,8% antecipados pelo governo

© Mike Segar / Reuters

Os analistas dizem que o apoio dos partidos de esquerda é um sinal positivo, principalmente depois de terem sido aprovadas novas medidas para chegar a acordo com Bruxelas.

Num relatório a que a SIC teve acesso, os técnicos também elogiam o compromisso do governo em preparar mais medidas, caso a meta do défice de 2,2% comece a falhar, porque assim o país dá sinais de confiança às agências de rating, podendo ainda vir a beneficiar de taxas de juro da dívida pública mais baixas.

O Barclays deixa ainda alguns avisos: a economia só deve crescer 1,5%, e não os 1,8% antecipados pelo governo e que os problemas no sector financeiro continuam a ser um risco para a estabilidade do país nos mercados.

  • Filhos do ex-embaixador do Iraque acusados um ano e meio depois,
    2:51

    País

    O Ministério Público deduziu acusação contra Haider e Ridha, os filhos do antigo embaixador iraquiano em Portugal por tentativa de homicídio. Mas há dúvidas de que o julgamento se realize, uma vez que os agressores já não estão Portugal. Tudo aconteceu em agosto de 2016 em Ponte de Sor.

  • Investigação à tragédia de Pedrógão concluída
    1:10