sicnot

Perfil

Economia

Caixa Geral Angola financia Estado angolano com mais de 91milhões

O Banco Caixa Geral Angola, detido maioritariamente pelo grupo público português Caixa Geral de Depósitos, vai financiar o Estado angolano com mais de 91 milhões de euros, segundo um despacho assinado pelo Presidente José Eduardo dos Santos.

José Eduardo dos Santos, presidente angolano.

José Eduardo dos Santos, presidente angolano.

Eraldo Peres

De acordo com um despacho assinado pelo Presidente José Eduardo dos Santos, o banco abriu uma linha de crédito em conjunto com o Ministério das Finanças de Angola. O objetivo desta linha de crédito é financiar o Orçamento Geral do Estado que está a sofrer uma grande quebra nas receitas devido à baixa do preço do petróleo nos mercados internacionais.

O financiamento será garantido pelo ex-Banco Caixa Geral Totta Angola, que desde julho passou a ser controlado maioritariamente pelo banco público português, adotando no final de 2015 nome comercial e imagem ('rebranding') semelhantes.

"É uma aposta da Caixa Geral de Depósitos, que efetivamente é uma instituição exclusivamente pública, mas é uma aposta da Caixa Geral de Depósitos em Angola. É um mercado que consideramos importante para as diversas empresas, não só portuguesas, mas todas as empresas europeias", sublinhou, a 10 de dezembro, administrador executivo da Caixa Angola, Fernando Marques Pereira, sobre a 'nova' marca para o país africano.

com Lusa

  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01