sicnot

Perfil

Economia

Acionistas do Santander discutem novo aumento de capital

Os acionistas do Banco Santander Totta vão hoje votar um novo aumento de capital de 300 milhões de euros, menos de dois meses depois de terem aprovado um reforço de capital no mesmo montante.

Mark Lennihan/ AP


A 05 de janeiro, a entidade liderada por António Vieira Monteiro, que é detida pelo espanhol Banco Santander, anunciou que o seu aumento de capital de 300 milhões de euros tinha sido totalmente subscrito, passando o seu capital social de 657 milhões de euros para 957 milhões de euros, em 'números redondos'.

A 14 de dezembro, a operação de aumento de capital tinha sido aprovada em assembleia-geral extraordinária, tendo como objetivo reforçar a solidez do banco.

Agora, é proposto um novo aumento de capital que, sendo aprovado, vai elevar o capital social do banco de 957 milhões de euros para 1,257 mil milhões de euros.

A lógica da operação passa pela "optimização da estrutura de capitais próprios", lê-se na convocatória para a reunião magna, datada de 28 de janeiro, que está disponível na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na primeira operação de aumento de capital, a gestão do Santander Totta garantiu que a mesma não estava diretamente relacionado com a compra da atividade comercial do Banif e da maior parte dos seus ativos e passivos, anunciada a 20 de dezembro pelo Banco de Portugal, que aplicou na mesma data uma medida de resolução ao Banif.

Caso a operação receba a necessária 'luz verde', o Santander Totta quase dobra o seu capital social num curto espaço de tempo.

  • Marcelo condecora hoje Francisco Sá Carneiro a título póstumo
    0:55

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa vai condecorar hoje Francisco Sá Carneiro, a título póstumo. A cerimónia será incluída nas celebrações do 25 de Abril. Também a título póstumo, o Presidente da República vai ainda homenagear o antigo bispo do Porto D. António Ferreira Gomes. As condecorações têm lugar esta tarde no Palácio de Belém para onde já estava marcada a condecoração do arquiteto Siza Vieira. Todos, diz Marcelo, são figuras ligadas à liberdade e democracia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.