sicnot

Perfil

Economia

INE revela hoje crescimento da economia

O Instituto Nacional de Estatística (INE) deve confirmar hoje que o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 1,5% no conjunto de 2015 e 0,2% no último trimestre do ano face aos três meses anteriores.

© Rafael Marchante / Reuters


O INE divulga hoje o destaque das Contas Nacionais Trimestrais relativas ao último trimestre de 2015, depois de ter revelado a estimativa rápida a 12 de fevereiro.

Segundo a estimativa rápida das contas nacionais trimestrais, a economia portuguesa "registou um aumento de 1,5% em volume" no conjunto de 2015, "após uma taxa de 0,9% no ano anterior, traduzindo um contributo menos negativo da procura externa líquida".

Comparando com o terceiro trimestre, em que o PIB apresentou uma variação nula face ao trimestre anterior, verifica-se que nos últimos três meses de 2015 o PIB cresceu 0,2% face aos três meses anteriores.

Já comparando apenas o último trimestre de 2015 com o mesmo período de 2014, o PIB registou um aumento de 1,2% em termos homólogos, referindo o INE que "o contributo positivo da procura interna para a variação homóloga do PIB diminuiu no quarto trimestre, traduzindo, em larga medida, a desaceleração do investimento".

A procura externa líquida, por seu lado, registou "um contributo negativo de magnitude inferior à observada no terceiro trimestre", traduzindo "a desaceleração das importações de bens e serviços mais intensa que a das exportações de bens e serviços".

A procura externa líquida, por seu lado, registou "um contributo negativo de magnitude inferior à observada no terceiro trimestre", traduzindo "a desaceleração das importações de bens e serviços mais intensa que a das exportações de bens e serviços".

Já a previsão mais recente do atual Governo foi incluída no relatório da proposta do Orçamento do Estado para 2016, apresentado a 05 de fevereiro, e indicava que a economia portuguesa tivesse crescido 1,5% em 2015.

O crescimento do PIB que hoje é divulgado pelo INE, de 1,5%, confirma também as projeções dos credores internacionais, uma vez que o Fundo Monetário Internacional (FMI) e a Comissão Europeia antecipavam que o PIB português aumentasse 1,5% no ano de 2015.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".