sicnot

Perfil

Economia

Governo diz que reparação dos Kamov vai custar 8,5 milhões de euros

A ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, disse hoje, no parlamento, que a reparação dos dois helicópteros Kamov vai custar 8,5 milhões de euros.

MANUEL DE ALMEIDA

No âmbito da discussão da apreciação na especialidade do Orçamento do Estado para 2016, Constança Urbano de Sousa afirmou aos deputados que, dos três helicópteros pesados do Estado inoperacionais, um está "praticamente destruído" e dois vão ser reparados com um custo de 8,5 milhões de euros.

Segundo a ministra, este montante vai "consolidar muita da verba da Autoridade Nacional de Proteção Civil" (ANPC), mas são "dois meios operacionais necessários para a fase dos incêndios".

Dos seis helicópteros Kamov da frota do Estado, apenas três estão aptos para voar, estando dois inoperacionais e outro acidentada desde 2012 que se despenhou durante um combate a um incêndio.

Estes dois inoperacionais, já não voaram em 2015 durante a fase crítica de combate a incêndios.

No ano passado, durante o processo de transferência dos Kamov para a nova empresa que ganhou o concurso público internacional para a manutenção e operação destes helicópteros, foram detetados problemas nos aparelhos.

Na audição, o secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, adiantou que os dois Kamov que vão ser reparados não vão estar prontos para a época de incêndios deste ano.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil tem orçamento para 2016 cerca de 129 milhões de euros, uma redução de 4,6 milhões de euros face a 2015.

A ministra justificou a redução da verba para a ANPC, nomeadamente, com as despesas feitas, em 2015, com a extinção da Empresa de Meios Aéreos (EMA).

Lusa

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.