sicnot

Perfil

Economia

Maria Luís Albuquerque contratada para grupo de gestão de crédito

A ex-ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque foi nomeada para diretora não executiva do Arrow Global, grupo britânico de gestão de crédito, que tem em Portugal clientes como o Banif, o Millennium BCP ou o Montepio.

Maria Luís Albuquerque, ex-ministra das Finanças.

Maria Luís Albuquerque, ex-ministra das Finanças.

© Rafael Marchante / Reuters

Num comunicado publicado na sua página oficial, o grupo Arrow Global informa que indicou a ministra das Finanças do anterior governo PSD/CDS-PP, Maria Luís Albuquerque, como diretora não executiva com efeitos a 7 de março e que a agora deputada vai integrar o comité de risco e auditoria.

Destacando os cargos públicos desempenhados por Maria Luís Albuquerque, o presidente do Conselho de Administração do grupo Arrow Global, Jonathan Bloomer, mostra-se satisfeito com a nomeação da ex-ministra.

Jonathan Bloomer considera que a experiência de Maria Luís Albuquerque como governante e na Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) "vai enriquecer" o grupo, que prevê "expandir-se a novas geografias e novas classes de ativos".

Segundo uma apresentação a investidores do verão em 2015, publicada na página do grupo na Internet, a Arrow Global gere em Portugal uma carteira de crédito de 5,5 mil milhões de euros, tendo entre os clientes os bancos Banif, Millennium BCP, Montepio, Santander, Banco Popular, entre outros.

No setor não financeiro, entre os clientes da Arrow Global estão as companhias de seguros Açoreana e AXA, bem como a empresa de telecomunicações Vodafone.

No ano passado, a Arrow Global adquiriu a Whitestar por 48 milhões de euros à Carval Investors, que tinha cerca de 300 colaboradores em Portugal.

A Whitestar, que operava no mercado nacional desde 2007, pertenceu ao falido Lehman Brothers e esteve depois sob gestão da consultora Pricewaterhousecoopers (PwC) até 2014, quando foi vendida à Carval.

Lusa

  • Maria Luís Albuquerque recusa incompatibilidade das novas funções

    Economia

    A deputada do PSD e ex-ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque confirmou hoje a sua contratação pela Arrow Global para administradora não executiva, defendendo não ter "nenhuma incompatibilidade ou impedimento legal" com atuais ou anteriores funções políticas. O PCP já anunciou que vai levar a matéria à subcomissão parlamentar de Ética.

  • Rui Vitória não espera facilidades frente ao Tondela
    1:34

    Desporto

    O líder do campeonato, o Benfica, recebe este domingo o último classificado, o Tondela. Na conferência de antevisão do encontro, Rui Vitória afirmou que não espera facilidades. O treinador do Benfica falou ainda de Sebastian Coates.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.