sicnot

Perfil

Economia

Estado português condenado a pagar 1,8 mil milhões no caso dos Swap

O Estado português foi condenado a pagar 1,8 mil milhões de euros ao Santander no processo dos contratos Swaps. A sentença foi proferida esta manhã por um tribunal de Londres.

Mark Lennihan/ AP

As empresas públicas Metro de Lisboa, Metro do Porto, Carris e STCP são condenadas a indemnizar o banco espanhol, pela quebra unilateral de nove contratos Swap, celebrados entre 2005 e 2007.

Tratam-se de contratos de alto risco, que colocaram as empresas públicas de transportes a pagar taxas de juro que podiam ultrapassar os 60% e que foram anulados pela antiga ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque.

O assunto levou até à criação de uma comissão de inquérito. Muito dos bancos acabaram por aceitar cancelar os contratos durante as negociações com o Estado, mas o Santander sempre insistiu que os acordos eram válidos.

No total, as perdas potenciais com este tipo de contratos, feitos com grandes bancos europeus, ultrapassavam os 3 mil milhões de euros. Mais de metade eram de contratos com o banco espanhol, a quem é agora dada razão nos tribunais.

Última atualização às 12:03

  • Os contratos Swap e as repercussões na dívida
    8:14

    Opinião

    O Estado português foi condenado a pagar 1,8 mil milhões de euros ao Santander no processo dos contratos Swaps. O diretor adjunto do Expresso João Vieira Pereira relembra a origem da polémica e antecipa os possíveis efeitos da decisão do tribunal de Londres.

  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.