sicnot

Perfil

Economia

UTAO estima que défice de 2015 tenha ficado nos 3,3%, sem Banif

Os técnicos que dão apoio ao Parlamento estimam que o défice das contas públicas no ano passado tenha ficado nos 3,3%. A confirmar-se, Portugal falhou a meta de 3% com que se tinha comprometido com a União Europeia.

REUTERS

Os 3,3% previstos pela UTAO não contam com o impacto da resolução do Banif, que pode ter disparado o défice para os 4,6% do PIB. Ou seja, o país não terá saído do procedimento por défice excessivo, ao contrário do prometido pelo anterior Governo.

Na análise à execução orçamental de janeiro, os técnicos da UTAO dizem que ainda é cedo para perceber se as metas do novo orçamento poderão ser cumpridas e destacam que, este ano, o Estado vai gastar o valor mais baixo com prestações de desemprego dos últimos 8 anos.

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Grupo de brasileiros em assalto milionário no Paraguai
    1:24