sicnot

Perfil

Economia

Avon corta 2.500 postos de trabalho e muda sede para o Reino Unido

A Avon anunciou, esta segunda-feira, que vai suprimir 2.500 postos de trabalho e mudar a sua sede para o Reino Unido, a mais recente reestruturação após a venda dos seus negócios na América do Norte.

No final do ano passado, a Avon empregava 28.300 pessoas fora da América do Norte.

No final do ano passado, a Avon empregava 28.300 pessoas fora da América do Norte.

© Brendan McDermid / Reuters

A empresa de venda de cosméticos indicou, em comunicado, que espera que a poupança decorrente das recentes medidas, incluindo da redução da força laboral, atinja 70 milhões de dólares em 2017.

A Avon tem "operações comerciais importantes" no Reino Unido e a mudança vai ter lugar "ao longo do tempo", refere o comunicado, sem especificar uma data em concreto.

"Com a conclusão recente da venda do negócio na América do Norte, as nossas operações comerciais estão agora totalmente fora dos Estados Unidos, permitindo-os repensar drasticamente o nosso modelo operacional", disse a CEO da Avon, Sheri McCoy, no mesmo comunicado.

A empresa vai manter duas instalações no estado de Nova Iorque, continuando a estar incorporada em Nova Iorque e a transacionar na bolsa.

No final do ano passado, a Avon empregava 28.300 pessoas fora da América do Norte.

Em dezembro, o Fundo de Investimento Cerberus Capital Management adquiriu 16,6% do capital da Avon e 80,1% do seu negócio na América do Norte, num negócio avaliado em 605 milhões de dólares.

Os produtos da Avon são vendidos de porta-a-porta através de seis milhões de representantes independentes em cerca de 70 países.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.