sicnot

Perfil

Economia

Ministro do Trabalho reúne-se com sindicatos

O ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, reúne-se hoje com os sindicatos por causa das rescisões no Novo Banco.

José Vieira da Silva, ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

José Vieira da Silva, ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

ANT\303\223NIO COTRIM

A reunião visa esclarecer o pagamento do subsídio de desemprego a todos os trabalhadores do Novo Banco que aceitaram as rescisões por mútuo acordo.

No encontro com o governante participam o secretário-geral da UGT, Carlos Silva, e os líderes dos sindicatos da Federação Nacional do Setor Financeiro, ou Febase.

A Comissão Nacional de Trabalhadores (CNT) do Novo Banco revelou na semana passada que mais de 500 pessoas já tinham sido chamadas para reuniões com responsáveis pelos recursos humanos para conhecerem as condições da rescisão de contrato.

A 14 de março, o Novo Banco informou os trabalhadores que já tinha dado início às rescisões por mútuo acordo com as quais pretende reduzir cerca de 500 postos de trabalho.

Lusa

  • Novo Banco admite avançar para despedimento coletivo
    7:06

    Edição da Manhã

    A administração do Novo Banco que admite avançar para um despedimento coletivo, as explicação pedidas pelo PSD do alegado envolvimento do Primeiro-ministro nos negócios entre a empresária angolana Isabel dos Santos e o setor bancário e o Ministério iraquiano do Petróleo que pretende aumentar a receita dos recursos de gás e de petróleo na análise de João Palma-Ferreira, jornalista do Expresso.

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.