sicnot

Perfil

Economia

Portugal vai hoje ao mercado para emitir até 1.000M€ em Obrigações do Tesouro

Portugal volta hoje ao mercado para a segunda emissão de longo prazo do trimestre, esperando arrecadar até 1.000 milhões de euros através de dois leilões de Obrigações do Tesouro, com maturidade a cinco e a 14 anos.

Segundo a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), a emissão vai ocorrer pelas 10:30 e as Obrigações do Tesouro (OT) têm maturidades em 15 de abril de 2021 e 15 de fevereiro de 2030, com um montante indicativo global entre 750 milhões e 1.000 milhões de euros.

No último leilão de OT comparável a cinco anos, que ocorreu a 09 de março, o IGCP colocou 594 milhões de euros a uma taxa de juro de 2,03%.

É preciso recuar a 2010 para encontrar um leilão de OT com maturidade próxima dos 14 anos. A 28 de julho desse ano, Portugal colocou 681 milhões de euros em OT com maturidade em outubro de 2023 (13 anos), a uma taxa de juro média de 5,377%.

Mais recentemente, o IGCP tem optado por realizar leilões de OT a 10 anos - e no último com esta maturidade, que ocorreu também a 09 de março, conseguiu colocar 621 milhões de euros a uma taxa de juro de 3,13% - ou com maturidades superiores, com destaque para uma emissão a 22 anos, que ocorreu em outubro do ano passado.

Nesse leilão, Portugal colocou 350 milhões de euros a uma taxa de juro 3,23%.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.