sicnot

Perfil

Economia

Comissão de inquérito ao Banif começa com audição de ex-administrador

Já começou a comissão parlamentar de inquérito ao Banif com a audição ao ex-presidente do banco Jorge Tomé e ao ex-administrador Marques dos Santos.

Joaquim Marques dos Santos ouvido na comissão de inquérito ao Banif

Joaquim Marques dos Santos ouvido na comissão de inquérito ao Banif

M\303\201RIO CRUZ

Três meses depois da resolução do banco, que poderá custar aos contribuintes mais de 3.600 milhões de euros, a comissão, liderada pelo PCP e composta por 28 deputados, tem previstas 60 audições para passar a pente fino o segundo processo de resolução bancária, depois do BES.

Em causa está a decisão tomada a 20 de dezembro pelo Governo e pelo Banco de Portugal que permitiu vender parte da atividade bancária ao Santander Totta por 150 milhões de euros e a transferência de outros ativos, incluindo tóxicos para uma nova sociedade veículo.

Um processo de resolução que exigiu quase 2.500 milhões de euros, grande parte dos cofres do Estado, e mais de 1.600 milhões de euros e 500 milhões do Fundo de Resolução Bancária.
.

  • "Se me pergunta se estou de consciência tranquila, estou"
    2:13

    País

    O ministro Vieira da Silva assegura que aguarda com tranquilidade que a investigação em curso esclareça as alegadas irregularidades na associação Raríssimas. Alguns mecenas estão já a suspender o apoio, na sequência do escândalo que já levou a duas demissões. 

  • Novo regime dos recibos verdes "acaba com as injustiças dos escalões"
    1:10
  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.