sicnot

Perfil

Economia

Clima de negócios sobe na zona euro em março

O indicador que mede o clima de negócios subiu ligeiramente, 0,02 pontos em março para os 0,11, face a fevereiro, segundo dados hoje divulgados pela Comissão Europeia.

O indicador que mede o clima de negócios subiu ligeiramente, 0,02 pontos em março para os 0,11, face a fevereiro, segundo dados hoje divulgados pela Comissão Europeia.

O indicador que mede o clima de negócios subiu ligeiramente, 0,02 pontos em março para os 0,11, face a fevereiro, segundo dados hoje divulgados pela Comissão Europeia.

© Jim Young / Reuters

O indicador que mede o clima de negócios subiu ligeiramente, 0,02 pontos em março para os 0,11, face a fevereiro, segundo dados hoje divulgados pela Comissão Europeia.

O indicador que mede o clima de negócios subiu ligeiramente, 0,02 pontos em março para os 0,11, face a fevereiro, segundo dados hoje divulgados pela Comissão Europeia.

© Jim Young / Reuters

Segundo a Direção-geral dos Assuntos Económicos e Financeiros, pioraram duas das componentes do indicador: a disponibilidade de produtos para entrega e a carteira de exportações.

A avaliação do histórico de produção foi a única que melhorou, tendo-se mantido as das carteiras de encomendas e a das expectativas de produção.

A Comissão Europeia não divulga valores dos Estados-membros para este indicador e assinala que os dados foram recolhidos antes dos atentados terroristas de 22 de março, no aeroporto e na estação de metro de Maelbeeck, em Bruxelas.

  • "É abusivo falar de fuga ao fisco"
    4:10

    Economia

    Dez mil milhões de euros é o valor de que se fala das transferências para contas offshore, que terão escapado à Autoridade Tributária. O número impressiona, mas é preciso notar que este dinheiro é capital que sai do país e o capital não está sujeito ao pagamento de imposto só porque sai do país. O fiscalista Tiago Caiado Guerreiro esteve no Jornal da Noite para dar mais explicações sobre o caso.