sicnot

Perfil

Economia

Presidente da TAP acusa Rui Moreira de aproveitamento político

Presidente da TAP acusa Rui Moreira de aproveitamento político

O presidente da TAP acusou o presidente da Câmara do Porto de ter mudado de opinião quanto à supressão das quatro ligações aéreas a partir do aeroporto Sá Carneiro apenas "por razões políticas", noticia hoje o Jornal de Notícias.

"Rui Moreira disse que a ponte aérea era ótima notícia", revela hoje a manchete do Jornal de Notícias, com Fernando Pinto a adiantar que o autarca Rui Moreira está a aproveitar-se da companhia aérea para tirar proveitos políticos.

Na entrevista ao JN, Fernando Pinto revela não compreender "a guerra" que o autarca do Porto está a fazer contra a TAP, principalmente com a publicação do livro "TAP -- Caixa Negra", da sua autoria, além de que segundo afirma, quando lhe apresentou o plano estratégico da empresa para o Porto este terá dito que era uma ótima notícia.

"Respeito muito o doutor Rui Moreira, mas dizer que faria tudo para prejudicar a TAP (...) não acredito que seja sincero e acho que ele não tem ideia do quão importante a empresa é para todos nós e para Portugal", sublinhou Fernando Pinto ao diário.

O presidente executivo da TAP revela ainda na entrevista que reuniu com Rui Moreira para lhe apresentar o plano de supressão de quatro rotas para a Europa a partir do aeroporto Porto e a criação de uma ponte aérea entre a cidade portuense e Lisboa, assegurando que o autarca reagiu de forma positiva.

Fernando Pinto adianta ter ficado surpreendido com a reação de Rui Moreira, por saber tratar-se de um plano que poderia ser criticado, mas ao contrário do esperado revela que o autarca "não deu grande importância".

"Esses voos já são servidos pelas 'low-cost', não há grande problema, ainda em que vão manter o longo curso e a ponte aérea é uma ótima noticia porque os empresários podem vir de qualquer lugar da Europa em voos constantes", terá dito Rui Moreira na ocasião a Fernando Pinto, de acordo com o relato deste ao Jornal de Notícias.

Segundo o presidente executivo da TAP, a "guerra" terá começado depois daquela reunião, sucedendo-se os ataques.

Fernando Pinto revela ter ficado "muito preocupado", afiançando ter trabalhado muito para evitar um conflito, mas adianta que a TAP "pela visibilidade que tem, é muito usada como arma de arremesso político".

  • Rui Moreira lança livro "TAP-Caixa Negra"
    2:09

    País

    A guerra do presidente da Câmara do Porto com a TAP conhece amanhã um novo capítulo. Rui Moreira vai lançar um livro sobre os bastidores das batalhas travadas pelo autarca para que a transportadora aérea permanecesse no aeroporto Sá Carneiro.

  • Tap inaugura ponte aérea entre Porto e Lisboa
    2:28

    Economia

    A TAP inaugura hoje 18 ligações diárias entre Lisboa e Porto. A inauguração do novo serviço coincide com o encerramento de rotas da TAP de e para duas cidades. A Câmara do Porto diz que a companhia aérea vai suprimir 74 voos internacionais por semana com partida do norte do país.

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.