sicnot

Perfil

Economia

Governo quer atribuir este ano 450 M€ de incentivos às empresas

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, revelou hoje que o Governo conta atribuir até ao final do ano 450 milhões de euros de incentivos às empresas e defendeu a criação de "consórcios de investimento".

Pedro Marques, ministro do Planeamento e das Infraestruturas.

Pedro Marques, ministro do Planeamento e das Infraestruturas.

TIAGO PETINGA/ LUSA

Em entrevista ao Jornal de Negócios, o ministro afirmou que, no âmbito do programa Portugal 2020, o Governo quer chegar ao final de 2016 com o pagamento às empresas de um total de 450 milhões de euros, "bastante acima do valor comparável do QREN [Quadro de Referência de Estratégia Nacional]".

Quanto ao Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos (FEIE), conhecido como Plano Juncker, Pedro Marques afirmou que o Governo quer "trabalhar com as confederações para criar consórcios de investimento".

É que aquele fundo só aceita candidaturas de projetos privados e superiores a 25 milhões de euros; daí a proposta de criação de consórcios, com "projetos de investimento na mesma tipologia, que possam ser apresentados com uma roupagem única, como um bloco único".

"As características do Plano Juncker não estão feitas para o investimento de países pequenos, periféricos e ainda em esforço de convergência", disse o ministro na entrevista.

Lusa

  • Debate quinzenal no Parlamento: veja em direto e comente

    País

    As políticas de descentralização foram o tema escolhido pelo Governo para o debate quinzenal, mas a situação na Caixa Geral de Depósitos também deve marcar os trabalhos na Assembleia da República. Acompanhe aqui a discussão e participe no Minuto a Minuto SIC/Parlamento Global.

    Direto

  • Prioridades para a CGD: cortar custos e aumentar receitas
    2:16

    Caso CGD

    O principal objetivo do plano estratégico para a Caixa Geral de Depósitos, a que a SIC teve acesso, é cortar custos e aumentar receitas. A grande aposta da nova administração passa por apertar as regras para emprestar dinheiro e, por outro lado, recuperar o crédito que não está a ser pago.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54
    Futuro Hoje

    Futuro Hoje

    3ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    A Leica, das famosas máquinas fotográficas, abriu na semana passada a primeira loja em Portugal. Grande parte da produção da marca alemã é feita em Lousado, em Vila Nova de Famalicão, há 43 anos.