sicnot

Perfil

Economia

FMI piora estimativa do défice português para 2,9% em 2016

O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou hoje as projeções orçamentais de Portugal, esperando que o défice seja de 2,9% este ano e que a dívida fique nos 127,9%, mantendo-se acima dos 120% até 2021.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

REUTERS

Na base de dados do "World Economic Outlook", hoje disponibilizada no portal da instituição na internet, o FMI apresenta as suas previsões económicas e também previsões para o défice orçamental e para a dívida pública para os vários países até 2021.

O FMI espera que o défice português seja de 2,9%, acima dos 2,7% previstos em outubro e também acima dos 2,2% antecipados pelo Governo de António Costa. Em 2021, o último ano das projeções do FMI, Portugal deverá ter um défice de 2,8%.

Quanto à dívida pública, a instituição liderada por Christine Lagarde também apresentou agora estimativas mais pessimistas do que as avançadas em outubro, prevendo que a dívida portuguesa seja de 127,9% do Produto Interno Bruto (PIB) este ano, sendo que há seis meses previa que a dívida fechasse o ano de 2016 nos 125%.

As projeções agora apresentadas pelo FMI são mais pessimistas do que as do Governo, que antecipa que o rácio da dívida sobre o PIB seja de 127,7% no final de 2016.

Para 2021, o Fundo espera que a dívida pública portuguesa caia para os 123,8%, mantendo-se acima dos 120% do PIB em todo o horizonte das projeções. Há seis meses, o FMI esperava que a dívida recuasse para os 118,9% em 2020.

Lusa

  • Défice cai 1.900 milhões até agosto

    Economia

    O défice das administrações públicas foi de 2.034 milhões de euros até agosto, uma "melhoria de 1.901 milhões" face ao mesmo período de 2016, segundo o Governo, que justifica com aumento superior a 4% da receita.

  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Criar galinhas na cozinha, guerras no fogão, e drones dentro de casa
    7:28
  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.