sicnot

Perfil

Economia

Valor do crédito concedido aumenta 25,8% para 448 M€ em fevereiro

O montante do crédito concedido aumentou 25,8% em fevereiro face ao período homólogo, para 447,954 milhões de euros, tendo o valor dos empréstimos para educação e saúde praticamente duplicado, segundo dados hoje divulgados pelo Banco de Portugal (BdP).

REUTERS

De acordo com os dados mais recentes do BdP, em fevereiro foram efetuados 113.252 novos contratos de crédito aos consumidores, mais 15,5% do que no mesmo mês de 2014 e mais 9,2% do que no mês anterior (janeiro).

Estes novos contratos celebrados corresponderam a um montante global de 447,954 milhões de euros, o que representa um crescimento de 25,8% em termos homólogos e de 16,3% em cadeia.

Numa análise por tipo de crédito, verifica-se que o crédito pessoal com finalidade 'educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos' foi o que apresentou a maior subida, com o número de novos contratos a aumentarem 329,8% em termos homólogos e 24,2% face a janeiro, para um total de 692 contratos, e o respetivo valor a subir 99,8% em termos homólogos e 4,2% em cadeia, para 3,213 milhões de euros.

Já os créditos pessoais 'sem finalidade específica, lar, consolidado e com outras finalidades' aumentaram, em número, 12,7% homólogos e 13,9% em cadeia e, em montante, subiram 21,6% face a fevereiro de 2015 e 23,9% face ao mês anterior, para 200,500 milhões de euros.

No que respeita ao crédito automóvel, o montante dos novos contratos efetuados (incluindo de locação financeira ou ALD e contratos com reserva de propriedade, para carros novos e usados), aumentou 35,55% em termos homólogos, somando 156,519 milhões de euros.

Quanto aos novos contratos de crédito relativos a cartões de crédito, linhas de crédito, contas correntes bancárias e facilidades de descoberto, viram o respetivo montante aumentar 18,2% em fevereiro face ao mesmo mês de 2015 e subir 10,3% face a janeiro.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.