sicnot

Perfil

Economia

Caixabank avança com OPA ao BPI

Nas próximas horas, o CaixaBank vai lançar uma oferta pública de aquisição sobre a totalidade do capital do BPI. A informação é avançada por vários jornais. A OPA surge na sequência da ruptura do acordo com a Santoro de Isabel dos Santos, que possui 21% do banco português. Sabe-se também que o Governo enviou para o Presidente da República uma alteração à lei da desblindagem.

O processo legislativo foi antecedido de um estudo do Banco de Portugal, enviado ao Governo a 17 de Fevereiro e no qual se informa que vigoram limitação de direitos de voto em oito instituições financeiras.

Sobre o anteprojeto de diploma, foram solicitados, a 29 de fevereiro, pareceres ao Bando de Portugal, à CMVM e à Associação Portuguesa de Bancos. Esta associação fez saber que não se pronunciaria enquanto conjunto mas os associados que o pretendessem podiam fazê-lo. E nesse sentido, foram recebidos comentários do BPI e do BCP.

Para evitar que o diploma condicionasse as negociações em curso, o Governo aguardou pela sua conclusão.

A conclusão das negociações foi anunciada a 10 de junho, quatro dias depois o Governo aprovou o diploma e enviou-o ao Presidente da República para promulgação. Se for promulgado só entra em vigor a 1 de Julho, data a que acresce a norma transitória de seis meses para atuais estatutos.

  • Governo enviou para Belém diploma que acaba com limitação dos direitos de voto
    2:06

    Economia

    Não há acordo entre o BPI e Isabel dos Santos. O banco acusa a empresária angolana de desrespeitar o que tinha sido acordado. O primeiro-ministro, António Costa, lamenta mas acredita que o BPI vai encontrar uma solução para responder às exigências do BCE. A SIC sabe que o Governo se prepara para resolver o assunto de outra forma, já terá seguido para Belém um diploma que acaba com a limitação dos direitos de voto e abre caminho a uma OPA do Caixabank.

  • Porque falhou o acordo no BPI
    1:53

    José Gomes Ferreira

    Isabel dos Santos fez cair o acordo que já tinha com o Caixabank no BPI porque o Banco de Portugal e o Banco Central Europeu não deram ainda luz verde aos nomes escolhidos para a administração de outro banco, o banco BIC. A espera não agradou à filha de José Eduardo dos Santos, que atira assim ao chão um acordo que já estava fechado.

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.