sicnot

Perfil

Economia

Venezuela vai racionar eletricidade em dez estados

A Venezuela vai racionar a eletricidade em dez dos seus estados mais populosos e industrializados, incluindo em Caracas, anunciou na quarta-feira o Governo.

© Marco Bello / Reuters

Esta é a mais recente medida para atenuar a crise de eletricidade, pela qual o Presidente Nicolas Maduro e o seu Governo responsabilizam o fenómeno meteorológico "El Niño", mas que os críticos dizem ser resultado de má gestão económica.

Luis Motta Dominguez, ministro da Energia Elétrica, anunciou a medida durante uma emissão televisiva e remeteu pormenores para mais tarde.

A economia da Venezuela está em queda, bem como os preços do petróleo, do qual o país depende.

A falta de medicamentos e bens básicos, como papel higiénico ou óleo alimentar, é generalizada.

Na semana passada, o Governo anunciou uma mudança do fuso horário, adiantando 30 minutos, para poupar energia.

Outras medidas incluem dar aos funcionários públicos um dia de folga extra nos próximos dois meses.

Maduro sugeriu ainda que as mulheres venezuelanas deviam deixar de usar secadores de cabelo.

Lusa

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.