sicnot

Perfil

Economia

Governo e parceiros sociais discutem hoje programas de Estabilidade e Nacional de Reformas

O Governo e os parceiros sociais discutem hoje os programas de Estabilidade e Nacional de Reformas, em sede de concertação social, numa reunião presidida pelo primeiro-ministro, António Costa.

A próxima reunião está marcada para o dia 21 de janeiro e deverá selar o acordo.

A próxima reunião está marcada para o dia 21 de janeiro e deverá selar o acordo.

SIC

A reunião, marcada para as 10 da manhã, acontece um dia depois do debate no parlamento onde os deputados discutiram ambos os programas.

Para a tarde está marcado o habitual debate quinzenal e pelas 19 horas, a versão definitiva dos programas deverá ser aprovada em Conselho de Ministros.

O Programa Nacional de Reformas envolve um conjunto de investimentos na ordem dos 25 mil milhões de euros até 2020.
O Programa de Estabilidade, que ainda terá de passar pelo crivo de Bruxelas, prevê um défice de 1,4% no próximo ano e de 0,2% em 2019.

As metas garante o ministro das Finanças vão ser atingidas sem cortes nos salários, pensões ou aumento do IRS, IRC ou IVA.

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.