sicnot

Perfil

Economia

Nokia com prejuízos de 513 milhões de euros no 1º trimestre do ano

A multinacional finlandesa Nokia anunciou esta terça-feira que registou um prejuízo de 513 milhões de euros no primeiro trimestre deste ano, contra um lucro de 177 milhões de euros em igual período de 2015.

© Bob Strong / Reuters

A fabricante finlandesa atribuiu o prejuízo nos três primeiros meses deste ano aos custos com a integração da Alcatel-Lucent, empresa que a tecnológica Nokia adquiriu em 2015 por 15.600 milhões de euros, refere em comunicado.

As vendas da Nokia atingiram os 5.499 milhões de euros nos três primeiros meses deste ano, mais 87,3% face a idêntico período do ano passado, mas as receitas da área tecnológica caíram 26% no período em análise.

O presidente-executivo da Nokia, Rajeev Suri, esclareceu que "apesar da integração de uma empresa com a escala da Alcatel-Lucent seja complexa e leve tempo", a multinacional finlandesa "confia nos avanços efetuados para alcançar as maiores sinergias".

"Esperamos também que os planos de transição corram o mais rapidamente possível", disse o gestor.

Lusa

  • Primo de Sócrates já foi notificado
    1:48
  • Santana Lopes espera mais diálogo com António Costa
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes espera que o primeiro-ministro dialogue mais com o novo líder do PSD do que o que tem dialogado com Passos Coelho. O candidato à liderança dos social-democratas criticou ainda Rui Rio por ainda não se ter mostrado disponível para um debate.

  • Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos
    0:37

    País

    Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos com assento parlamentar e não apenas com o Governo. As declarações do candidato à liderança do PSD surgiram em resposta a António Costa que, em entrevista, disse que acredita que a relação com os social-democratas vai melhorar com a nova liderança.

  • Morreu o jornalista Pedro Rolo Duarte

    País

    Morreu Pedro Rolo Duarte. O jornalista tinha 53 anos e não resistiu a um cancro. Pedro Rolo Duarte estava internado nos cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa. Trabalhou em imprensa, na rádio e na televisão.