sicnot

Perfil

Economia

Nissan vai adquirir 34% da Mitsubishi Motors por 1,9 mil milhões de euros

O construtor de automóveis japonês Nissan vai adquirir, por via de aumento de capital, 34% do seu compatriota Mitsubishi Motors, que se vê envolvido num escândalo de fraude, por 1,9 mil milhões de euros, segundo documentos oficiais hoje publicados.

© Toru Hanai / Reuters

Nas informações transmitidas à Agência de Serviços Financeiros (FSA) e consultadas pela agência de notícias francesa France Presse, a Mitsubishi Motors explica que vai emitir para a Nissan 506,6 milhões de ações ordinárias, a um preço de 468,52 yens a unidade, o que corresponde a um montante total de 237,36 mil milhões de yens (1,9 mil milhões de euros).

As ações da Mitsubishi Motors valiam 495 yens na quarta-feira, pouco antes dos relatórios das reuniões entre os dois grupos, valor que cresceu 16,16% na quinta-feira para 575 yens, depois de confirmadas as negociações.

O acordo selando a aquisição por parte da Nissan deverá ser assinado até 25 de maio, para uma transação que tem de estar efetivada em outubro.

Com esta operação, a Nissan Motors vai tornar-se o maior acionista da Mitsubishi Motors Corporation (MMC), frente à Mitsubishi Heavy Industries Group, que detém 20% das ações.

Está agendada para a tarde de hoje uma conferência de imprensa conjunta entre os dois grupos, em Yokohama, no Japão.

Lusa

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.