sicnot

Perfil

Economia

Rendimento médio por família cresceu em 2014

O rendimento monetário disponível médio por família foi de 17.017 euros anuais em 2014, representando um aumento de 82 euros face ao ano anterior, mas recuando aos níveis de há 10 anos, segundo dados do INE divulgados hoje.

© Hugo Correia / Reuters

"Dez anos antes, o rendimento monetário disponível médio por agregado familiar era de 16.999 euros, o que equivale a situar o nível de rendimento de 2014 no patamar de 2004", refere o inquérito do Instituto Nacional de Estatística, precisando que, em 2014, cada família tinha em média por mês 1.418 euros.

Os resultados definitivos do Inquérito às Condições de Vida e Rendimento do INE identificam um período de crescimento contínuo deste rendimento até 2009 (10,2%) e quebras nos anos subsequentes em todas as classes de rendimento.

"O rendimento monetário disponível mediano por adulto equivalente foi, em termos nominais, de 8.435 euros em 2009 face a 2004), a que se sucederam quebras no rendimento nos anos de 2010 a 2013 (-9,6% em 2013 quando comparado com 2009)", refere o inquérito realizado em 2015 sobre o rendimento das famílias no ano anterior.

Em 2014 e 2013 registaram-se variações anuais positivas do rendimento monetário disponível por adulto equivalente: 0,6% em 2013 e 2,5% em 2014, ano em que "o crescimento dos rendimentos monetários equivalentes foi abrangente a todas as classes".

O estudo do INE aponta também que, em 2014, 19,5% da população residente estava em risco de pobreza, mantendo-se o valor estimado para 2013.

Nesse ano, o risco de pobreza afetava principalmente os desempregados (42%), as crianças e jovens (24,8%), as famílias com crianças dependentes (22,2%) e as mulheres (20,1%).

De acordo com o inquérito, o limiar de pobreza, que corresponde a 60% da mediana da distribuição rendimento monetário disponível mediano por adulto equivalente, foi de 5.061 euros em 2014 (cerca de 422 euros por mês).

Lusa

  • Taxa de poupança mais baixa de sempre
    1:29

    Economia

    A taxa de poupança dos portugueses rondou os 4,2% do rendimento disponível das famílias, durante o ano passado. Trata-se de um mínimo histórico no país. De acordo com o Banco de Portugal, 80% da poupança é feita por apenas 20% das famílias mais ricas.

  • O que muda no Orçamento do Estado
    2:18

    Economia

    O Orçamento do Estado foi apresentado pelo Governo como um virar de página nas políticas de austeridade, prometendo uma descida de impostos e a devolução do rendimento às famílias. Entre as várias medidas, do lado do setor público, está a reposição dos salários, que acontecerá trimestralmente, o subsídio de natal em duodécimos, transportes grátis para quem trabalha neste setor, a redução da sobretaxa do IRS ou a descida do IVA na restauração para 13%.

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto " Obrigado presidnete pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido aos SMS de Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17