sicnot

Perfil

Economia

Miguel Albuquerque defende que a Madeira "tem de abrir-se ao mundo"

O presidente do Governo Regional da Madeira disse hoje que o futuro da Região está "em abrir-se ao mundo" apostando na ciência, tecnologia e inovação porque o turismo e as atividades tradicionais já não são suficientes para as suas necessidades.

"Tudo o que seja internacionalização da Região na área científica, tecnológica e inovação é fundamental para o seu futuro", disse.

Miguel Albuquerque fez esta observação na assinatura do protocolo de cooperação entre a ARDITI - Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação e a APCA - Agência de Promoção da Cultura Atlântica, a Universidade de Paris 2 e a Universidade Aberta para a criação, pela APCA, do Instituto de Altos Estudos para a Globalização, Arte e Tecnologia.

O presidente do Governo Regional salientou ainda que a Madeira tem de "diversificar a sua base produtiva" e "abrir-se ao mundo".

"Nós temos uma região cuja base produtiva e económica é o turismo e um conjunto de atividades tradicionais, que vamos melhorar, mas não tenho nenhuma dúvida que, no futuro, a Região tem um grande potencial na área da tecnologia, inovação, investigação científica e da cultura", vaticinou.

O protocolo hoje assinado define programas de investigação e desenvolvimento em áreas como as indústrias criativas e culturais, a globalização, a tecnologia, as artes e os sistemas de aprendizagem tendo como finalidade a diáspora.

Antes da assinatura do protocolo, Miguel Albuquerque visitou a mostra de carros e outros veículos antigos, na Praça do Povo, organizada pela associação "The Classic Motor Exhibition Funchal Madeira" que conta com o apoio da Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura da Madeira que decorre até domingo.

Lusa

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Terra volta a termer no México

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6,2, na escala de Richter, foi registado às 05h30, hora local, 23h30, em Lisboa. Até ao momento não há registo de vítimas ou danos materiais.

  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04

    Mundo

    O Presidente francês volta hoje a ser alvo de manifestações contra a reforma laboral. Os protestos foram organizados por Jean Luc Melenchon, o candidato da extrema-esquerda que concorreu contra Macron.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.