sicnot

Perfil

Economia

Conselheira económica de Berlim diz que BCE tornou-se demasiado poderoso

O Banco Central Europeu (BCE) tornou-se demasiado poderoso, em larga medida pelo papel político que os próprios políticos lhe atribuíram, disse hoje, em entrevista, uma das conselheiras económicas do Governo alemão.

"O BCE ganhou um enorme poder, apesar de não responder a qualquer controlo parlamentar", comentou Isabel Schnabel a um jornal alemão. Isabel Schnabel é Professora catedrática de Professor de Economia na Universidade Johannes Gutenberg University.

A conselheira do governo alemão admitiu que, além de se tornar tão poderoso, o BCE tornou-se uma "quase instituição política", defendendo que é preciso que o BCE se afaste desse caminho.

Isabel Schnabel pertence ao núcleo de economistas que era conhecido por "Five Wise Men" até ela se juntar ao grupo.

Schabel, que se juntou ao grupo em junho de 2014, defendeu o BCE contra as críticas que lhe foram feitas na Alemanha por adotar uma política de taxa de juro muito baixas.

"Taxas de juro baixas tem um efeito imediato na crise financeira", argumentou, observando que o BCE não é a única entidade que influencia as taxas de juro.

Políticos germânicos têm criticado o BCE devido às taxas de juro baixas, dizendo que isso prejudica as poupanças dos cidadãos alemães e dificulta a rentabilidade da banca.

"Enquanto o BCE tiver mandato para agir, não serão os políticos a interferir", opinou Schanabel.

Mostrou-se ainda preocupada com as tentativas dos políticos de influenciar e politizar ainda mais o BCE através do alargamento de nomeações com direito de voto no BCE. "Precisamos de um banco central independente", concluiu.

Lusa

  • Mergulhadores espanhóis e forenses envolvidos nas buscas no rio Minho
    0:35

    País

    A Polícia Marítima confirmou à SIC que já estão a ser efetuados os primeiros mergulhos à superfície com uma equipa de mergulhadores espanhóis, que foram os primeiros a chegar a local. Durante a tarde desde domingo deve chegar ao local a equipa de mergulhadores forenses de Lisboa para ajudaram nas operações de busca ao pescador que desapareceu ontem à noite de em Alvaredo, concelho de Melgaço, no distrito de Viana do Castelo.

  • Portugal vai começar a testar carros autónomos com Espanha
    1:57

    País

    Portugal vai começar a testar carros sem condutor. O acordo entre os governos português e espanhol foi recentemente assinado para criar corredores onde os veículos possam circular. Um dos objetivos deste novo conceito é diminuir a sinistralidade.

  • Portugal vai testar capacidade de resposta a ciberataque
    0:22

    País

    O exercício está marcado para os dias 09 e 10 de maio e é o primeiro a nível nacional a testar um ciberataque em Portugal. O teste é organizado pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) para apurar "o "grau de preparação" das várias entidades públicas e privadas, mas já conclusões a ter em conta. Segundo o coordenador do CNCS, Pedro Veiga confirma-se tendência para os ataques serem cada vez mais sofisticados e é preciso alertar a população para o que publicam na internet e se pode colocar em risco a privacidade e a segurança.

  • As suspeitas que recaem sobre Ricardo Salgado e Manuel Pinho
    2:00