sicnot

Perfil

Economia

Subscrição das Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável termina hoje

A subscrição de Obrigações do Tesouro de Rendimento Variável (OTRV), um instrumento de dívida pública de retalho a médio prazo que pretende captar a poupança das famílias, termina hoje, depois de o montante da série ter mais que duplicado.

A subscrição teve início a 26 de abril e a série abriu com um montante de 350 milhões de euros, mas, na semana passada, o Governo decidiu aumentar o valor que permite emitir em OTRV para 750 milhões.

Segundo informação do Ministério das Finanças aquando do lançamento deste produto, as OTRV são emitidas por um período de cinco anos, com reembolso em maio de 2021, dando aos seus titulares o direito a receber um juro variável, pago semestralmente, a uma taxa anual nominal bruta igual à Euribor a seis meses, acrescida de 2,20%, com uma taxa de juro mínima de 2,20%.

Estes títulos serão admitidos à negociação no mercado regulamentado Euronext Lisbon, sujeitas às condições de mercado, "o que constitui uma garantia da liquidez do produto até ao seu vencimento".

Na nota, a tutela dizia estar "confiante de que o novo instrumento de aforro permitirá alargar o leque de opções disponíveis aos investidores e revelar-se-á atrativo para quem procure aplicar as suas poupanças de forma rentável, líquida e segura".

Cada subscritor pode investir no mínimo 1.000 euros e no máximo 1.000.0000 euros neste instrumento, sendo que a data de reembolso do capital será a 19 de maio de 2021.

Já o pagamento semestral de juros ocorrerá a 19 de maio e a 19 de novembro de cada ano.

Na terça-feira, a Euronext apresenta os resultados da OTRV, em Lisboa, após o toque do sino que assinala o encerramento da sessão de bolsa, pelas 16:30. A apresentação contará com o a presença do secretário de Estado Adjunto, do Tesouro e das Finanças, Ricardo Mourinho Félix, e a presidente Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), Cristina Casalinho.

  • Morreu o vocalista da banda Linkin Park

    Cultura

    Um dos vocalistas da banda de metal alternativo Linkin Park, Chester Bennington, morreu, em casa, numa cidade do condado de Los Angeles, aos 41 anos. Chester Bennington ter-se-á suicidado, de acordo com a plataforma TMZ. O músico juntou-se aos Linkin Park em 1999, três anos após a formação da banda, que editou o seu álbum de estreia, "Hybrid Theory", em 2000. O disco, do qual fazem parte temas como "In the End", "Crawling" e "One Step Closer", vendeu dez milhões de cópias só nos Estados Unidos.

  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • CGTP acusa PT de ilegalidades no dia da greve
    0:46

    Economia

    A CGTP pede a intervenção do Governo na PT. Esta quinta-feira, na SIC Notícias, Arménio Carlos acusou a empresa de estar a cometer mais uma ilegalidade, ao ter requisitado trabalhadores para cumprir serviços mínimos uma semana antes do permitido por lei.

  • Altice responde a António Costa
    1:33

    Economia

    A Altice respondeu ao Governo, na sequência das críticas de António Costa, lamentando que Portugal não reconheça a importância dos investimentos que o grupo faz no país. A dona da PT inaugurou esta quinta-feira um novo call center em Vieira do Minho e, na sexta-feira, está marcada uma greve geral dos trabalhadores da PT.

  • Protesto dos enfermeiros é "ilegal"
    2:37
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26

    Aqui há História

    Os baixios da barra do Tejo já foram cemitério de centenas de embarcações. Uma delas foi o Patrão Lopes, o navio de salvamento que saía para o mar quando todos fugiam das tempestades. Foram cinco dias em agonia até naufragar no Bugio, num caso que acabou na barra do tribunal. 80 anos depois, a SIC mergulhou no Patrão Lopes porque "Aqui Há História".

  • Sismo de magnitude 6.9 na Turquia

    Mundo

    Um forte sismo com magnitude 6.9 na escala de Richter fez-se sentir esta quinta-feira a sul da cidade turca de Bodrum. A informação foi avançada pela agência norte-americana de Geologia.