sicnot

Perfil

Economia

Espanha multa Galp em 400 mil euros

A Comissão Nacional dos Mercados e da Concorrência (CNMC) sancionou a Galp com uma multa de 400 mil euros por considerar que a empresa portuguesa violou o direito dos consumidores de escolher o operador de eletricidade e gás.

"A Galp Energia não se conforma com uma condenação assente em fundamentos meramente formais, pelo que pretende interpor recurso desta decisão", anuncia a empresa. (Arquivo)

"A Galp Energia não se conforma com uma condenação assente em fundamentos meramente formais, pelo que pretende interpor recurso desta decisão", anuncia a empresa. (Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

De acordo com o organismo, em 2012 foram recebidas diversas denúncias de consumidores contra a Galp.

Entre as denúncias realizadas, os consumidores queixavam-se que os comerciais da empresa conseguiam alterar o fornecimento do gás e da eletricidade sem o devido consentimento dos consumidores, explica a CNMC em comunicado citado pela agência Efe.

Além disso, continua, o número de telefone de apoio ao cliente disponibilizado pela Galp, em muitas ocasiões, consistia num tarifário de chamadas de valor acrescentado.

O procedimento sancionatório da CNMC está datado de 21 de maio.

  • Dono de submarino é o único suspeito da morte de jornalista sueca
    1:51

    Mundo

    A polícia dinamarquesa confirmou que o corpo decapitado encontrado junto ao mar, perto de Copenhaga, é o da jornalista sueca desaparecida há mais de 10 dias. Kim Wall estava a fazer uma reportagem sobre um submarino artesanal com o criador, que é agora o principal suspeito do crime. Parte do corpo foi encontrada na segunda-feira e identificada através de exames de ADN.