sicnot

Perfil

Economia

Votação do diploma das 35 horas adiada uma semana a pedido do PS

A votação na especialidade do diploma das 35 horas foi adiada por uma semana, a pedido do PS, disse à agência Lusa a deputada socialista e vice-presidente da Comissão do Trabalho e Segurança Social, Wanda Guimarães.

A votação estava prevista para hoje, mas o PS propôs um novo adiamento, o segundo, por considerar que o texto ainda pode ser "afinado".

"Há uma série de coisas que ainda podem ser afinadas e nós consideramos que a redação final deve ser o mais ponderada possível. Todos os aspetos devem ser considerados. Ainda ontem [terça-feira] ouvimos a FESAP [Federação dos Sindicatos da Administração Pública]", explicou.

O PS pediu um adiamento para sexta-feira, mas depois "entendeu-se que a discussão deveria dar-se numa reunião de comissão normal e por isso o adiamento para a próxima quarta-feira, dia 01 de junho".

O Governo tem afirmado que a reposição do horário de 35 horas na função pública vai entrar em vigor a 01 de julho.

  • A estreia de Centeno como líder do Eurogrupo
    1:56
  • Puigdemont chegou à Dinamarca e não foi detido

    Mundo

    A Justiça espanhola pediu à Dinamarca para ativar a ordem de detenção europeia contra Carles Puigdemont, que ignorou as ameaças de detenção e decidiu deslocar-se a Copenhaga para participar numa conferência. Entretanto na Catalunha, o presidente do parlamento propôs Puigdemont para voltar a dirigir o Governo Regional.

  • Eleição de Rio "embaraça" PCP e BE
    0:34

    Opinião

    Luís Marques Mendes considera que a eleição de Rui Rio veio criar embaraço ao PCP e Bloco de Esquerda. O comentador da SIC considera que a promessa de que venha a haver pactos de regime entre PS e PSD é motivo de preocupação para os parceiros do Governo.

    Luís Marques Mendes

  • O caso Assange é "um problema" para o Equador

    Mundo

    O Presidente equatoriano, Lenin Moreno, declarou no domingo que o asilo atribuído ao fundador do WikiLeaks, Julian Assange, pela embaixada do Equador em Londres desde 2012 é "um problema herdado" que constitui "mais que um aborrecimento".