sicnot

Perfil

Economia

Mais de dez ligações aéreas canceladas entre Portugal e França

Mais de uma dezena de ligações aéreas entre aeroportos franceses e portugueses encontram-se hoje cancelados, em dia de greve dos controladores aéreos em França.

(Lusa)

(Lusa)

MARIO CRUZ

Segundo o site da ANA - Aeroportos de Portugal, estão cancelados três voos com origem em Lisboa, dois que partiriam do Porto e dois com saída de Faro.

Quanto às chegadas, de voos oriundos de aeroportos franceses, encontram-se cancelados quatro voos com destino ao aeroporto de Lisboa e dois que deveriam aterrar no Porto.

Os controladores aéreos franceses juntam-se hoje aos protestos intersectoriais que paralisam algumas áreas económicas em França.

Esta paralisação levou a Direção-geral da Aviação Civil a recomendar às linhas aéreas a reduzir 15% dos seus programas de voos do aeroporto de Orly e indicou que são esperadas perturbações no resto do país.

A greve de hoje pretende ser um protesto contra a reforma laboral do Governo francês.

Entretanto, na quarta-feira, os controladores aéreos franceses anunciaram a convocação de uma greve para os dias 03, 04 e 05 de junho para pressionar a negociação do acordo coletivo de trabalho.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".