sicnot

Perfil

Economia

Sindicalistas franceses prometem não desmobilizar até o governo não alterar projeto de lei

Sindicalistas franceses prometem não desmobilizar até o governo não alterar projeto de lei

Entre 20 a 30% das gasolineiras de França estão encerradas. Trata-se da oitava jornada de mobilização convocada pelos sindicatos desde março com o objetivo de exigir a retirada do projeto de lei, que os sindicalistas dizem colocar em causa os direitos dos trabalhadores.

  • Valls recusa retirar reforma laboral mas admite alterações
    0:51

    Mundo

    O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, recusou hoje retirar a reforma laboral apesar dos protestos dos trabalhadores, contudo admite a possibilidade de introduzir alterações pontuais mas sem modificar a filosofia geral do texto. Numa entrevista televisiva, citada pelas agências de notícias internacionais, Valls considerou irresponsável a ação da Confederação Geral do Trabalho, que lidera o movimento contra o projeto de lei.

  • PM francês admite alterações à lei do trabalho ao 8º dia de protestos
    0:33

    Economia

    No oitavo dia de protestos contra as alterações à lei do trabalho em França, o primeiro- ministro Manuel Valls admitiu a possibilidade de serem feitas alterações à polémica lei. Aprovada no início do mês, a legislação tem gerado grande contestação. Por todo o país há bloqueios de autoestradas. Há refinarias e centrais nucleares fechadas e centenas de voos foram cancelados. Os sindicatos querem que o Governo volte atrás, alegando que o diploma retira direitos e salários, aumentando a precariedade.

  • Governo quer aumentar fiscalização a baixas fraudulentas
    1:10

    País

    O Governo quer criar uma bolsa de médicos para fiscalizar quem recebe o subsídio por doença. A intenção foi manifestada à TSF pela secretária de Estado da Segurança Social. Em 2016 foram detetados mais de 56 mil trabalhadores com baixa médica que afinal estavam aptos para trabalhar.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.