sicnot

Perfil

Economia

Taxas Euribor caem em todos os prazos

​As taxas Euribor caíram hoje a três, seis, nove e a doze meses, em relação a quinta-feira.

As taxas Euribor continuam em queda / Reuters

As taxas Euribor continuam em queda / Reuters

© Kai Pfaffenbach / Reuters

A Euribor a três meses, em valores negativos desde 21 de abril de 2015, fixou-se hoje em -0,260%, igualando o mínimo de sempre verificado a 10 de maio.

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação e que entrou em terreno negativo pela primeira vez a 6 de novembro passado, desceu hoje para -0,149%, fixando-se no nível mais baixo de sempre.

No prazo de nove meses, a Euribor recuou hoje para -0,082%, menos 0,002 pontos do que na quinta-feira, e contra o atual mínimo de -0,084% registado em 10 de março.

Depois de ter sido fixada em valores negativos entre 27 de novembro e 3 de dezembro, a Euribor a nove meses voltou para valores abaixo de zero a 7 de janeiro passado, nos quais se tem mantido desde então.

Também no prazo de 12 meses, a Euribor, que desceu para valores abaixo de zero pela primeira vez a 05 de fevereiro passado, também recuou hoje 0,001 pontos, ao ser fixada em -0,015%, depois de em 4 de março ter descido para -0,028%, atual mínimo de sempre.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.


Lusa

  • Souto de Moura feliz com distinção na Bienal de Arquitetura de Veneza
    1:10
  • Há mesmo um carro voador pousado no meio de Paris

    Dito assim, exageramos a importância da coisa, porque de facto estamos a falar de um protótipo que, inteiro, nunca voou. Dito assim, diminui a importância de termos ali mesmo à nossa frente um seríssimo protótipo de carro voador feito em colaboração pela Italdesign e pela Airbus a grande companhia construtora de aviões na Europa, desde o ano passado também com a colaboração da Audi. Faltava aqui um grande construtor de automóveis capaz de acrescentar o seu conhecimento.

    Lourenço Medeiros