sicnot

Perfil

Economia

Ações do BCP caem para mínimos históricos

As ações do BCP caíram hoje para mínimos históricos dos últimos quatro anos depois do relatório da Goldman Sachs, que alerta para a vulnerabilidade do banco. O relatório foi publicado depois do aumento de capital do Banco Popular, que surpreendeu os mercados.

© Hugo Correia / Reuters

A casa de investimento divulgou uma lista dos bancos que podem estar em situação semelhante à do Banco Popular e incluiu o Millenium BCP nessa relação. Há notícias que dão conta de que o BCP está a pensar em comprar o Novo Banco, que afundam o valor em bolsa.

As ações do banco português andaram a cair mais de 10% e valem agora 2 cêntimos cada.

A CMVM decidiu entretanto proibir, esta quinta-feira, a venda a descoberto das ações do BCP. Só nos últimos 6 meses em Bolsa o Millenium BCP perdeu mil e duzentos milhões de valor.

  • BCP quer entrar na corrida para comprar o Novo Banco
    1:31

    Queda do BES

    O BCP anunciou hoje que desceu os lucros em relação ao mesmo período do ano passado. O presidente admite que quer entrar na corrida para a compra do Novo Banco, mas lembra que está impedido por Bruxelas, por ainda dever dinheiro ao Estado português. O BCP vai devolver um terço dos 700 milhões de euros em dívida e fechar 90 balcões até ao fim de 2018.

  • "Para ele, um 'não' não foi suficiente"
    3:39
  • Um negócio familiar destruído pelas chamas
    8:36