sicnot

Perfil

Economia

Portugal quer rever quota da sardinha para as 19 mil toneladas

Portugal vai pedir a Bruxelas um aumento da quota de captura de sardinha para os valores do ano passado, 19 mil toneladas, com base nos últimos indicadores científicos, disse hoje em Peniche a ministra do Mar.

"A decisão não depende do Governo, mas sim de Bruxelas, mas temos boas perspetivas para que exista alguma revisão do organismo científico, porque das campanhas científicas que fizemos no nosso mar chegou-se à conclusão que houve alguma recuperação do stock da sardinha em relação ao ano passado", disse aos jornalistas Ana Paula Vitorino, considerando que a quota atual autorizada, 14 mil toneladas, pode ser aumentada.

Para a governante, "não se justifica que a quota seja inferior à do ano passado", pelo que há a esperança de que, na reunião de 10 e 20 de junho, o Conselho Internacional para a Exploração do Mar (CIEM - ICES) possa ter em conta a posição de Portugal.

A ministra do Mar falava à margem das comemorações do Dia do Pescador, em Peniche, onde participou num seminário sobre a fileira socioeconómica da pesca.

Nesse encontro, Humberto Jorge, presidente da Associação Nacional das Organizações de Produtores da Pesca do Cerco alertou que, com as capturas feitas desde maio são favoráveis, o setor receia "poder esgotar a quota em agosto", a manter-se a quota das 14 mil toneladas para este ano.

Como as duas campanhas de investigação "evidenciaram uma melhoria significativa da biomassa", aquele representante defendeu que há condições para aumentar a quota para as 19 mil toneladas, igual à de 2015.

Alexandre Silva, coordenador do Sindicato dos Pescadores, pediu ajuda do Governo para a necessidade de haver compensações para os pescadores durante o período de defeso da pesca da sardinha e de paragem das embarcações e a contagem desse tempo de paragem para efeitos da Segurança Social.

Outra das preocupações passa pela necessidade de ser regulamentado um salário fixo para os pescadores. O Governo respondeu que está a rever o Fundo Social da Pesca também com essa finalidade.

O governo reforçou as verbas para as investigações científicas oceanográficas, de avaliação do estado do recurso da sardinha, tendo sido feitas duas campanhas, umas que terminou em dezembro e outra ficou concluída em abril.

Lusa

  • Maratona da democracia em Barcelona
    1:18

    New Articles

    Na Catalunha, milhares de pessoas alimentam o braço de ferro com Madrid. Em Barcelona decorre a maratona pela democracia decorre na Praça da Universidade. A iniciativa repete-se noutros 300 municípios da região.

  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.