sicnot

Perfil

Economia

Fisco fiscaliza em "larga escala" veículos de mercadorias e de passageiros em junho

A Autoridade Tributária anunciou hoje ter em curso este mês uma operação de "larga escala" a veículos de mercadorias e de passageiros, para controlar documentos de transporte e de faturação de mercadorias e a utilização indevida de gasóleo colorido.

O Executivo vai criar descontos para as transportadoras de mercadorias em postos de gasolina em três zonas de fronteira com Espanha e nas antigas SCUT do interior.

O Executivo vai criar descontos para as transportadoras de mercadorias em postos de gasolina em três zonas de fronteira com Espanha e nas antigas SCUT do interior.

O objetivo da operação, explica a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), numa nota do Ministério das Finanças hoje divulgada, é cumprir o objetivo estratégico de combate à fraude e evasão fiscais e aduaneiras e à economia paralela.

"Estão a ser desenvolvidas, durante o mês de junho, ações no terreno, em larga escala, a nível nacional, nas vertentes tributária e aduaneira, incidindo sobre o controlo de bens em circulação nas principais vias rodoviárias", lê-se naquela nota.

A AT definiu os veículos de mercadorias em geral, bem como os veículos automóveis ligeiros, como alvos preferenciais das suas ações que visam, nomeadamente, controlar documentos de transporte e de faturação, mercadorias sujeitas a Imposto sobre Valor Acrescentado (IVA), Impostos Especiais sobre o Consumo (IEC), designadamente Imposto sobre os Produtos Petrolíferos e Produtos Energéticos (ISP) e, ainda, a utilização indevida de gasóleo colorido e marcado.

O Ministério das Finanças, naquela nota, dá ainda conta que esta é "uma de muitas ações" que vêm sendo desenvolvidas e que estão em curso e já programadas um conjunto de "outras ações" no mesmo âmbito.

  • "É muito importante que haja um cabal esclarecimento"
    0:37
  • Problemas com o SIRESP têm-se sucedido ao longo dos anos
    3:37
  • Chamas no concelho de Torre de Moncorvo ameaçaram aldeia
    1:30

    País

    Dois incêndios no concelho de Torre de Moncorvo deram luta aos bombeiros na tarde de ontem e também durante toda a noite. As chamas estiveram muito próximas da aldeia de Cabanas de Cima, mas os bombeiros conseguiram desviar o fogo.