sicnot

Perfil

Economia

Imposto aplicado a veículos importados de outro Estado-membro é ilegal

O Tribunal de Justiça da União Europeia (UE) considerou hoje que o imposto sobre veículos usados importados de outro Estado-membro aplicado em Portugal viola as regras da livre circulação de mercadorias.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Jacky Naegelen / Reuters

Em causa está, concretamente, o artigo 11.º do Código do Imposto sobre Veículos (CIV), ao abrigo do qual, considera o tribunal europeu, Portugal discrimina negativamente os veículos usados importados de outro país da UE, nomeadamente no que respeita às tabelas de desvalorização.

"Portugal aplica aos veículos automóveis usados importados de outros Estados-membros um sistema de tributação no qual, por um lado, o imposto devido por um veículo utilizado há menos de um ano é igual ao imposto que incide sobre um veículo novo similar posto em circulação em Portugal e, por outro, a desvalorização dos veículos automóveis utilizados há mais de cinco anos é limitada a 52%, para efeitos do cálculo do montante deste imposto, independentemente do estado geral real desses veículos", considera o tribunal.

O acórdão salienta que o imposto a pagar em Portugal pelos veículos automóveis usados importados de outros Estados-membros "é calculado sem tomar em consideração a desvalorização real desses veículos, de maneira que não garante que os referidos veículos sejam sujeitos a um imposto de montante igual ao do imposto que incide sobre os veículos usados similares disponíveis no mercado nacional".

Na sequência deste acórdão, a Comissão Europeia deverá impor um prazo para que Portugal altere a legislação em causa.


Lusa

  • A tecnologia na segurança automóvel
    7:24

    Futuro Hoje

    Nos dias que correm não podemos falar de segurança automóvel sem falar de tecnologia. Desta vez, o "Futuro Hoje" foi ver como os carros vão pedir ajuda em caso de acidente, e como os pneus e até os óculos estão a evoluir.

  • Autocarro do futuro circula por cima dos carros
    1:11

    Mundo

    O autocarro do futuro foi apresentado na Feira de Ciência e Tecnologia de Pequim, na ChinaChama-se "bus-way" e mistura conceitos de metro e autocarro. Prevê transportar 1.200 pessoas e resolver problemas de tráfego no país mais populoso do mundo. e reduzir a poluição. Circula num sistema de carris por cima da estrada e dos carros. A altura vai variar entre 4,5m e 4,7m e a largura será de 7,8 m. A parte que permite passar sobre o trânsito estará a cerca de dois metros de altura do solo.O primeiro teste deverá ser feito em 2017 na cidade de Qinhuangdao, na província de Hebei, no norte do país.

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • "Precisamos de uma melhor zona Euro"
    0:30