sicnot

Perfil

Economia

Chefe da missão do FMI falta a reunião que tinha convocado mas deixa recados

Chefe da missão do FMI falta a reunião que tinha convocado mas deixa recados

O chefe de missão do FMI defende que tem de haver uma reforma ampla na administração pública que está sobredimensionada. O regresso das 35 horas serve de argumento a Subir Lall que também quer ver mais mudanças no sistema de pensões. Recados lançados num relatório e numa entrevista à agência Lusa, no dia em faltou à reunião de concertação social, que tinha convocado.

  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01