sicnot

Perfil

Economia

Estado paga milhões ao setor elétrico por serviço que nunca foi necessário

Estado paga milhões ao setor elétrico por serviço que nunca foi necessário

Há mais um caso na polémica das rendas excessivas do setor elétrico. Cinquenta e duas grandes unidades industriais vão receber, este ano, do Estado uma renda garantida de 113 milhões de euros. Em troca, estão obrigadas a suspender temporariamente a produção, caso o país tenha uma crise momentânea de electricidade. Só há um problema: as rendas são pagas há mais de cinco anos a troco de nada, porque até agora nenhuma das empresas precisou de dar fosse o que fosse em troca da renda garantida. O ministro da economia, Manuel Caldeira Cabral, já disse que a medida é importante, uma vez que contribui para um melhor funcionamento do sistema elétrico nacional.

  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.