sicnot

Perfil

Economia

António Ramalho confirmado como presidente do Novo Banco

António Ramalho será o novo presidente do Conselho de Administração do Novo Banco, anunciou hoje o Banco de Portugal em comunicado.

António Ramalho, atual presidente das Infraestruturas de Portugal e antigo vice-presidente do BCP.

António Ramalho, atual presidente das Infraestruturas de Portugal e antigo vice-presidente do BCP.

SIC/ Arquivo

"O Banco de Portugal nomeou, sob proposta do Fundo de Resolução, na qualidade de único acionista do Novo Banco, S.A., António Manuel Palma Ramalho para o cargo de presidente do Conselho de Administração do Novo Banco", lê-se no comunicado.

A escolha de António Ramalho, atual presidente do Conselho de Administração da Infraestruturas de Portugal (empresa que resultou da fusão da Estradas de Portugal com a Refer), para o Novo Banco - sucedendo a Eduardo Stock da Cunha - já tinha sido noticiada anteriormente pela imprensa.

"A nomeação do Dr. António Ramalho produz efeitos a 1 de agosto do corrente ano. Até lá, o Dr. Eduardo Stock da Cunha permanecerá em funções, permitindo desta forma uma transição que assegura que são prosseguidos os objetivos traçados para o Novo Banco, bem como a execução do plano de reestruturação oportunamente discutido com as autoridades europeias", refere o BdP.

António Ramalho foi presidente do Conselho de Administração da Unicre (2006 a 2010) e membro do Conselho de Administração Executivo do Banco Comercial Português (2010 a 2012).

Já Eduardo Stock da Cunha deixa o Novo Banco, onde estava desde setembro de 2014, para regressar ao britânico Lloyds Banking Group.

O Novo Banco é o banco de transição que resultou da resolução do Banco Espírito Santo (BES), em agosto de 2014, tendo ficado com os ativos e passivos considerados menos problemáticos.

Ainda assim, o banco tem vindo a acumular prejuízos na ordem dos 980,6 milhões de euros, em 2015.

António Ramalho vai assumir a liderança do Novo Banco quando este está em processo de venda, tendo o Banco de Portugal recebido até final de junho quatro propostas de compra, não tendo divulgado os nomes dos interessados.

Com Lusa

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.