sicnot

Perfil

Economia

Mercado de eletricidade ganha três novos operadores em três meses

A concorrência no mercado liberalizado de eletricidade aumentou com a entrada de três novos comercializadores nos últimos três meses, que já conta com 21 fornecedores, de acordo com a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

(Reuters/Arquivo)

Em maio, entrou em mercado a Lualuz (Voltagequation), em abril foi a Elergone e em março a Logica Energy.

Ainda assim, em maio, a EDP Comercial manteve a sua posição como o principal operador no mercado livre em número de clientes (85% do total de clientes) e em consumos (cerca de 45% dos fornecimentos no mercado livre), tendo mantido a sua quota em número de clientes e aumentado ligeiramente em consumo face ao mês de abril.

O mercado livre de eletricidade atingiu mais de 4,5 milhões de clientes em maio, com um crescimento líquido de mais de 31,5 mil clientes, o que representa um crescimento 12% face ao homólogo.

De acordo com a síntese mensal da ERSE, o consumo dos clientes em mercado liberalizado representa já quase 91% do consumo total registado em Portugal continental.

Em termos de intensidade de 'switching' (mudança de fornecedor), o número de clientes que deixa o mercado regulado para integrar um comercializador em mercado continua a ser inferior ao número de consumidores que troca de comercializador já em regime de mercado, o que demonstra a tendência crescente de mudanças de comercializador no quadro do mercado livre.

Lusa

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.