sicnot

Perfil

Economia

Mercado de eletricidade ganha três novos operadores em três meses

A concorrência no mercado liberalizado de eletricidade aumentou com a entrada de três novos comercializadores nos últimos três meses, que já conta com 21 fornecedores, de acordo com a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

(Reuters/Arquivo)

Em maio, entrou em mercado a Lualuz (Voltagequation), em abril foi a Elergone e em março a Logica Energy.

Ainda assim, em maio, a EDP Comercial manteve a sua posição como o principal operador no mercado livre em número de clientes (85% do total de clientes) e em consumos (cerca de 45% dos fornecimentos no mercado livre), tendo mantido a sua quota em número de clientes e aumentado ligeiramente em consumo face ao mês de abril.

O mercado livre de eletricidade atingiu mais de 4,5 milhões de clientes em maio, com um crescimento líquido de mais de 31,5 mil clientes, o que representa um crescimento 12% face ao homólogo.

De acordo com a síntese mensal da ERSE, o consumo dos clientes em mercado liberalizado representa já quase 91% do consumo total registado em Portugal continental.

Em termos de intensidade de 'switching' (mudança de fornecedor), o número de clientes que deixa o mercado regulado para integrar um comercializador em mercado continua a ser inferior ao número de consumidores que troca de comercializador já em regime de mercado, o que demonstra a tendência crescente de mudanças de comercializador no quadro do mercado livre.

Lusa

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem no Coachella e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.