sicnot

Perfil

Economia

Costa confia no esforço dos reguladores para encontrar solução rápida para a Caixa

Costa confia no esforço dos reguladores para encontrar solução rápida para a Caixa

O primeiro-ministro acredita que as entidades de regulação estão a esforçar-se para encontrar uma resposta rápida sobre as soluções para a Caixa Geral de Depósitos. António Costa lembrou ontem à noite que não compete ao Governo exercer qualquer forma de pressão para acelerar o processo.

António Costa falava no final de uma reunião com a bancada do PS, que durou cerca de três horas e em que fez junto dos seus deputados um balanço da sessão legislativa na Assembleia da República.

Interrogado sobre a situação da CGD, que ainda aguarda a aprovação de um plano de recapitalização e da nova administração, o primeiro-ministro frisou que não compete ao Governo exercer qualquer forma de pressão para acelerar estes processos.

"Mas não tenho nenhuma razão para achar que, quer a Direção-Geral da Concorrência, quer as entidades regulatórias, não estejam a esforçar-se para tão rapidamente possível responderem às questões que faltam responder para termos uma solução definitiva para a CGD, e para que fique tudo claro e tranquilo quanto à Caixa, o que é essencial", respondeu António Costa.

Confrontado com o mais recente relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre a possibilidade de os setores da banca de Itália e Portugal constituírem riscos sistémicos para a Europa, o primeiro-ministro referiu que a banca "sofre" simultaneamente com o facto de haver "um aumento das exigências regulatórias com uma conjuntura de baixa muito significativa de taxas de juro, o que é bom para quem tem prestações a pagar, mas é mau para o negócio bancário".

Depois, António Costa deixou críticas à atuação do anterior Governo, dizendo que "foi manifesto que houve uma atitude deliberada de esconder problemas, que hoje felizmente não estão escondidos".

"Tal não constitui um risco. Risco é quando se finge que os problemas não existem. Hoje os problemas são conhecidos e estão a ser resolvidos, o que é essencial para reforçar a confiança no sistema financeiro", defendeu.

Para António Costa, a prioridade do seu executivo "é o fortalecimento da CGD, como grande banco público e grande pilar do sistema financeiro português".

"Há ainda um conjunto de outras medidas que temos vindo a tomar conjuntamente com as entidades regulatórias para que o sistema financeiro possa encontrar estabilidade e possa responder às necessidades da economia", acrescentou.

Com Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC