sicnot

Perfil

Economia

Alemanha reivindica acordo global para tributar transações financeiras

Wolfgang Schäuble

© POOL New / Reuters

O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, reivindicou hoje aos seus homólogos e governadores dos bancos centrais do G20 um acordo de caráter global para tributar as transações financeiras.

Wolfgang Schäuble defendeu a necessidade de tributar as transações financeiras durante um debate sobre política fiscal que decorreu antes da reunião dos ministros das Finanças e dos responsáveis pelos bancos centrais das 20 maiores economias do mundo, que se realiza hoje na cidade chinesa de Chengdu.

"Há sempre o problema, como acontece na União Europeia, de tributar todos os intercâmbios de bens e serviços, com exceção das finanças", disse o ministro das finanças alemão.

Segundo Schäuble, há já algum tempo que se procura um acordo internacional nesta matéria, mas os esforços serão em vão caso não se consiga um pacto de âmbito global.

"Não é possível solucionar este problema se não existir um acordo global", disse o ministro, considerando "muito útil" para alcançar o crescimento económico o pagamento de impostos através de intercâmbios financeiros.

Schäuble lembrou a dificuldade em encontrar equilíbrios sobre como avaliar as empresas, pessoas e consumo de forma a permitir o crescimento económico e assegurar, ao mesmo tempo, a igualdade e justiça social.

"Quantos mais acordos globais se conseguir alcançar, mais equilíbrios se encontram", afirmou.

A Alemanha e a China vão organizar em conjunto, em finais de novembro em Berlim, uma conferência sobre política fiscal.

Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01