sicnot

Perfil

Economia

Agência DBRS deixa avisos ao Governo português

A agência de notação financeira DBRS está preocupada com eventuais desvios nas contas públicas de 2016, deixando deste modo avisos ao Governo português.

Em declarações ao jornal online Observador, a agência diz que o Governo não pode adotar uma atitude de inércia, caso surjam pressões orçamentais. Garante também que vai analisar com muita atenção a resposta que o Executivo vai dar para corrigir o défice excessivo de 2016.

Avisa que o pior cenário seria o Governo entrar em conflito com a Comissão Europeia. A DBRS diz também que a avaliação que Bruxelas vai fazer ao cumprimento das metas em outubro vai ser fundamental.

A agência canadiana é a única que não pôs o rating de Portugal no "Lixo". Isto permite que o país continue a beneficiar do programa de compra de dívida do Banco Central Europeu.

  • Como se sobrevive à dor em Nodeirinho e Pobrais
    2:43
  • Raphäel Guerreiro vai continuar a acompanhar a seleção
    1:08
  • 74 mil alunos do secundário têm a vida "suspensa" 
    2:22

    País

    Enquanto o Ministério Público investiga a fuga de informação no exame nacional de Português do 12.º ano, 74 mil estudantes ficam com a vida suspensa. Se a fuga se confirmar, o exame corre o risco de ser anulado e as candidaturas ao ensino superior atrasam. O Instituto de Avaliação Educativa (IAVE), responsável pelos exames, prometeu esclarecimentos para os próximos dias.