sicnot

Perfil

Economia

Governo diz que pretende uniformizar cálculo do IMI

Governo diz que pretende uniformizar cálculo do IMI

O Governo já respondeu às críticas sobre a nova lei do IMI. O secretário de estado dos Assuntos Fiscais garantiu que o objetivo não é aumentar a receita fiscal. Fernando Rocha Andrade diz que a medida vem uniformizar a forma de cálculo que já era praticada também para o comércio e serviços.

  • O que mudou no IMI
    0:58

    Economia

    Entraram esta terça-feira em vigor as novas regras do IMI. Se ainda não conhece as novas fórmulas de cálculo saiba que se quer ou se tem uma casa com uma boa vista vai pagar mais.

  • Novos critérios no cálculo do IMI
    1:24

    Economia

    Os novos critérios para o cálculo do IMI levarão a novos valores a pagar: há mais aumentos do que descidas do imposto. A qualidade ambiental, onde entra a poluição e o barulho, e questões relacionadas com a acessibilidade são alguns dos fatores que podem fazer com que pague menos.

  • Vive perto de um cemitério? Então pode pagar menos IMI
    2:25

    Economia

    As alterações ao cálculo do IMI estão a causar vários sentimentos: estranheza, indignação e, sobretudo, perplexidade. As novas regras já entraram em vigor e dizem uma coisa muito simples: as casas que tenham uma boa exposição solar e uma vista agradável vão pagar mais imposto. Já quem morar em frente a um cemitério ou a uma ETAR, pode pedir uma reavaliação do imóvel para pagar menos de IMI.

  • Eis os novos heróis de Vila de Aves
    3:03
  • Desportivo das Aves fora da Liga Europa

    Desporto

    O Desportivo das Aves não vai à Liga Europa e o Sporting terá entrada direta na fase de grupos. Apesar da conquista da Taça de Portugal, a equipa avense não se licenciou em tempo útil para poder participar na prova da UEFA, apurou a SIC.

  • E agora, Sporting? Semana de decisões e incertezas
    2:53
  • "Para primeiro dia de pesca da sardinha, não foi mau"
    2:19
  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29

    País

    José Sócrates garantiu este domingo que não atacará o PS e que continua a ser socialista. O antigo primeiro-ministro participou num almoço de apoio, em Lisboa, com cerca de 100 pessoas, a maioria anónimos.