sicnot

Perfil

Economia

Rocha Andrade teve "atitude ingénua", diz Paulo Ralha

Rocha Andrade teve "atitude ingénua", diz Paulo Ralha

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos considera que a decisão do secretário de Estado dos Assuntos Fiscais de aceitar o convite da Galp para ir ao Euro 2016 foi ingénua, mas não há motivo para demissão. Contudo, Paulo Ralha ressalva que o código aplicado aos trabalhadores da autoridade aduaneira deve ser aplicado no futuro a todos os detentores de cargos públicos e políticos.

  • Primeiro-ministro não vê razões para demitir Rocha Andrade
    2:32

    Caso das Viagens

    O primeiro-ministro não vê razões para demitir Rocha Andrade, o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais que viajou a convite da Galp para assistir a dois jogos de Portugal no Euro 2016. Rocha Andrade diz que não existe conflito de interesses, pelo facto da petrolífera manter uma guerra jurídica com o Estado. Já a oposição e os partidos que apoiam o Governo pedem consequências políticas.

  • "Acho muito difícil o secretário de Estado continuar em funções"
    7:57

    Opinião

    José Gomes Ferreira considera que Rocha Andrade está numa posição fragilizada e insustentável e que deveria ter feito um pedido de desculpas, por ter aceitado uma viagem paga pela Galp a França, durante o Euro 2016. Tanto o governante como a empresa poderão ter incorrido num crime. José Gomes Ferreira lembra ainda que o secretário de Estado é o representante do Estado num processo contra a própria Galp.

  • A casa dos horrores
    7:57

    Mundo

    Um casal foi detido na Califórnia acusado de tortura e escravidão dos 13 filhos: o mais velho tinha 29 anos e a mais nova dois. A polícia encontrou um cenário de horror quando entrou na casa da família, depois de uma das filhas ter fugido pela janela. Crianças e jovens estavam amarrados às camas e todos estavam mal alimentados. Mas nas redes sociais, o casal Turpin divulgava imagens de uma família feliz.

  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45
  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38