sicnot

Perfil

Economia

Lesados do BES reúnem-se hoje com representante do Ministério das Finanças

Lusa

O grupo de trabalho que negociou uma solução para os lesados do papel comercial do BES reúne-se hoje, no Banco de Portugal, com um representante do Ministério das Finanças.

O encontro está marcado para as 10:00 (hora de Lisboa),e uma fonte da associação que representa os clientes lesados limitou-se a dizer à Lusa que está "confiante de que o promotor das conversações [o Governo] dê o 'sim' [à solução], para o bem do sistema financeiro".

Em causa estão os cerca de 2.000 clientes de retalho que investiram 432 milhões de euros em papel comercial das empresas Espírito Santo International e Rioforte, do Grupo Espírito Santo (GES), vendidos aos balcões do BES, e que foram dados como perdidos com a queda do banco e do grupo, em 2014.

Desde o início do ano que o primeiro-ministro, António Costa, se empenhou pessoalmente numa solução para estes clientes, justificando com a necessidade de estabilizar o sistema financeiro.

Em março foi constituído um grupo de trabalho para se chegar a uma solução, que durante meses negociou o mecanismo de compensação em dezenas de reuniões entre os representantes dos lesados, CMVM e Banco de Portugal, sob mediação do Governo, através do advogado Diogo Lacerda Machado.

A solução, que está já há algumas semanas nas Finanças para ter o aval, passa pela criação de um fundo de indemnização, que irá adiantar o dinheiro aos lesados (que ainda assim irão sofrer perdas), ficando em troca com os direitos judiciais dos processos judiciais que os lesados coloquem contra o Grupo Espírito Santo e os seus administradores.

Será depois esse veículo que irá continuar com a litigância na Justiça e receber eventuais compensações decididas pelos tribunais.

Os emigrantes lesados dos BES manifestam-se amanhã em Lisboa, junto à sede do Novo Banco. A concentração está marcada para as 11:30, na Avenida da Liberdade.


Seguem depois para a sede do Banco de Portugal na Rua do Comércio. Esta associação não aceita a solução comercial proposta pelo Novo Banco que foi aceite por 6 mil clientes emigrantes, que passa pela subscrição de obrigações de longa duração do Novo Banco, com depósitos a prazo condicionados ao valor dessas obrigações.

Com Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi o deputado eleito pelo círculo de Braga. Agora vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Esta saída pode colocar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.