sicnot

Perfil

Economia

Carlos Fernandes é o novo vice-presidente da Infraestruturas de Portugal

Carlos Alberto João Fernandes é o novo vice-presidente da Infraestruturas de Portugal, substituindo José Luís Ribeiro dos Santos, que renunciou ao cargo no dia 9 de agosto, foi divulgado esta quinta-feira através da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

De acordo com um comunicado divulgado na página da internet da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), Carlos Fernandes foi eleito na terça-feira.

"Nos termos e para o efeito do disposto no Regulamento n.º5/2008 da CMVM, a Infraestruturas de Portugal, S.A. (doravante "IP") informa sobre a eleição de Carlos Alberto João Fernandes para vice-presidente do Conselho de Administração Executivo da IP para completar o mandato em curso (2015-2017), com produção de efeitos a 16 de agosto de 2016", lê-se no comunicado.

Hoje foi também divulgado através da CMVM um comunicado sobre a renúncia de José Santos à vice-presidência da IP, empresa que resultou da fusão da Estradas de Portugal com a Refer.

"A Infraestruturas de Portugal, S.A. informa que o vice-presidente do Conselho de Administração Executivo, José Luís Ribeiro dos Santos, apresentou no dia 09 de agosto, aos órgãos competentes, a renúncia ao cargo de vice-presidente do Conselho de Administração Executivo da Infraestruturas de Portugal, S.A.", diz a informação.

António Laranjo assumiu a presidência do Conselho de Administração da Infraestruturas de Portugal, com efeitos a partir de 1 de agosto, depois da saída de António Ramalho para a liderança do Novo Banco.

Lusa

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.