sicnot

Perfil

Economia

Número de desempregados com subsídio caiu 1,2% em julho

O número de desempregados a receber prestações de desemprego diminuiu 1,2% em julho, em relação a junho e 20,6% face a julho de 2015, com um total de 218.190 beneficiários, divulgou esta sexta-feira a Segurança Social.

De acordo com a síntese de informação estatística mensal da Segurança social, no último mês o subsídio de desemprego teve um decréscimo de 0,6%, face a junho, com menos 1.112 subsídios atribuídos, e caiu 17,45% em termos homólogos, com menos 36.355 subsídios.

O subsídio social de desemprego inicial apresentou em julho uma quebra de 13,9%, face a julho de 2015, o que corresponde a menos 1.455 beneficiários desta prestação, e de 3,6% face a junho deste ano, com menos 334 beneficiários.

O Orçamento do Estado para 2016 criou uma medida extraordinária de apoio aos desempregados de longa duração que tenham cessado o período de concessão do subsídio social de desemprego, que passou a designar-se de inicial ou subsequente.

O número de desempregados com subsídios social de desemprego subsequente caiu 2,8% em relação a junho, com menos 1.085 beneficiários.

Lusa

  • Debate quinzenal com o primeiro-ministro

    País

    A situação económica e financeira foi o tema escolhido pelo Governo, mas a polémica da descida da Taxa Social Única dominará certamente a discussão na Assembleia da República. Veja aqui em direto e participe no Minuto a Minuto Parlamento Global/SIC.

    Direto

  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.