sicnot

Perfil

Economia

BPN pode custar ainda mais 4 mil milhões de euros ao Estado

O BPN pode vir a custar mais 4 mil milhões de euros ao Estado Português, além dos 5 mil milhões já previstos.

De acordo com o jornal Expresso, no total o prejuízo poderá rondar os 9 mil milhões de euros.

As três sociedades que gerem os ativos do banco estão com capital negativo. A situação mais complicada é na Parvalorem, com 3,7 mil milhões de euros em divida.

Oito anos após a nacionalização e seis anos depois da privatização do BPN, as ondas de choque continuam a fazer mossa no bolso dos contribuintes.

  • BPN já custou mais de 3 mil M€ ao Estado

    Economia

    O BPN já custou mais de 3.200 milhões de euros aos cofres do Estado desde 2011. A estimativa é do Tribunal de Contas. Só no ano passado os custos aumentaram 600 milhões de euros. A fatura não para de crescer. Para este o impacto no Orçamento do Estado deverá rondar os 30 milhões de euros.

  • Governo prevê injetar mais de 560 milhões de euros no BPN
    1:09

    Economia

    Quase oito anos depois nacionalização, o buraco do BPN continua a aumentar. Só este ano o Governo prevê injetar mais de 560 milhões de euros nas sociedades que resultaram da queda do banco. Se o Orçamento do Estado para este ano for concretizado, no final de 2016 os contribuintes já terão gasto mais de três mil milhões de euros com BPN.

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.