sicnot

Perfil

Economia

CGTP diz que redução de desempregados inscritos se deve a emprego sazonal

A CGTP considerou esta segunda-feira que o decréscimo verificado no número de desempregados inscritos nos centros de emprego se deve ao aumento sazonal do emprego no setor do turismo e defendeu a necessidade de serem criados empregos estáveis e duradouros.

"Registamos a redução do número de desempregados inscritos, mas consideramos que isso se deve ao fator sazonalidade. Há sempre mais empregos, relacionados com o turismo, no período de verão, mas isso não responde às necessidades do país, que precisa de mais emprego estável, seguro e duradouro", afirmou o secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, à agência Lusa.

Segundo as estatísticas mensais do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), o número de desempregados inscritos nos centros de emprego baixou 6,6% em julho para 497.663, abaixo dos 500.000 pela primeira vez desde julho de 2009.

Em julho de 2009 estavam inscritas nos centros de emprego 496.683 pessoas.

Em relação a junho deste ano, o número total de desempregados registados em julho diminuiu 2,7%, o que corresponde a menos 13.979 pessoas.

A nível regional, o desemprego diminuiu em todas as regiões do país, mas a redução mais elevada verificou-se na região do Algarve (-19,2%).

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.